Um Novo Olhar para a Saúde: DATASUS Informação e Tecnologia para o Brasil do Terceiro Milênio


Em 2011, não cabe mais apenas debater o perfil e o papel institucional do DATASUS.
Acreditamos na ação e na atitude científica que pauta os nossos métodos e programas de trabalho.
E o que determina a importância do nosso trabalho e de nossa instituição é a abrangência deste, sua eficiência e repercussão.
Repercussão midiática forte e capaz de gerar uma moeda de troca para negociar com o governo os salários e as condições de trabalho que necessitamos para o desempenho de nossa atividades.
É provável que ao Governo caiba dar a visibilidade publicitária aos setores que lhe rendam mais votos ou benefícios políticos.
Desta forma, a nossa maior necessidade é dar conhecimento a sociedade do papel do DATASUS a fim de que na queda de braço com o Governo, sejamos considerados uma instituição forte, necessária e de interesse governamental.
Deste modo, com um arsenal de primeiro mundo no campo da tecnologia da informação, seguimos metas transparentes de uma gestão comprometida com a verdade científica e com a necessidade geopolítica brasileira.
Assim, para que haja uma unidade institucional, priorizamos alavancar estratégias nas áreas de comunicação institucional e marketing público que valorizem a fisionomia e as ações do DATASUS.
Computando valor de mercado internacional de produtos nesta área, deliberamos por criar notícias diárias sobre os acontecimentos e culminâncias que envolvam nossa ação direta.
É valiosa a responsabilidade da instituição e para que a sociedade tome conhecimento , o caminho é a PUBLICIDADE INSTITUCIONAL.
Por trás da marca ou chancela DATASUS, existe uma força trabalhadora especializada nas diferentes linguagens de programação, banco de dados, web designer, dentre outras e demais tecnologias de Informação, como: Data warehouse, data mining, geoprocessamento, SOA, business intelligence , porém é imprescindível a participação do Estado em investimentos, destes recursos tecnológicos, como também de recursos humanos, no que tange contratação (concurso público) , capacitação , qualificação, etc, coletivamente. Assim, visamos elencar as áreas de atuação do DATASUS no que diz respeito aos diferentes aspectos da saúde no Brasil.
Muito embora ao Governo compete dar visibilidade aos setores que são de sua competência. Apostamos na auto-sustentação da Instituição no que se refere a gerir informações e publicidade institucionais.
Tomamos por compromisso, criar e divulgar o cartão SUS, o prontuário eletrônico, as diversas pesquisas em geo-saúde, visando dar um suporte técnico e político mais apropriado e legítimo.
Nossa intensão é investir na imagem da Instituição para elevar a nossa capacidade de negociar melhorias em todos os aspectos para os trabalhadores da casa, elevando assim nosso compromisso com a qualidade e com a excelência tanto do material humano e profissional quanto da informação gerada no trabalho desempenhado pela Instituição.
Podemos garantir que cada servidor esta imbuído do espirito público necessário para os propósitos democráticos do atual governo.
Ressaltamos que a nossa missão é promover a Instituição em todos os setores da sociedade, tornando-nos sinônimo de competência e conhecimento na área de Saúde Pública.
Com a finalidade de dar mais visibilidade as ações desenvolvidas pelo DATASUS, é fundamental a participação da Instituição DATASUS, em seu coletivo, na Conferência Mundial sobre Determinantes Sociais, que acontecerá, no Rio de Janeiro-Brasil, em 19-21 de outubro do corrente ano, na qualidade de gestor de tecnologia de informação, até porque, é sua atribuição , como detentor das informações, que ora serão debatidas, desde a década de 70-80, com a utilização da ferramenta SÍNTESE – Sistema Nacional de Tratamento de Séries Históricas, quando ainda pertencia ao quadro da DATAPREV.
Propomos que nossos programas sejam expostos, paralelamente, através de um painel com exposições de gráficos, dentre outras modalidades, que demonstram nossa capacidade, na qualidade, de manter, administrar, e gerenciar o mercado de informações, com o comprometimento exigido constitucionalmente, na área de saúde pública.
É fundamental a participação de todos, e esperamos contar com ela.



O que depende de nós para ser feito, também depende para não ser feito.
Aristóteles.

Postagens mais visitadas