OCORRÊNCIA DE LEPTOSPIROSE NOS MUNICÍPIOS DO RIO DE JANEIRO NO ANO DE 2006

Este trabalho é resultado de projeto sugerido pelo Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnologia em Saúde da Fiocruz, após término do Curso de Análise Espacial e Geoprocessamento em Saúde.
É visível a relevância desta ferramenta no setor saúde não só para os gestores das tres esferas, em sua tomada de decisão, no que tange previsibilidade de casos de epidemiologia, entre outros,  mas também a sua importância na avaliação da qualidade de vida da população, sobretudo, as mais carentes.
Fica demonstrado, através desta tecnologia, no projeto em questão, a responsabilidade do Estado na coleta de lixo, e  não com a chuva, pois esta é um fenômeno meteorológico, inevitável.
ANÁLISE ESPACIAL E GEOPROCESSAMENTO EM SAÚDE

Postagens mais visitadas